sexta-feira, 4 de dezembro de 2015

Sem argumento


4 comentários:

  1. ja percebi o vies ideologico do cara que faz os quadrinhos. chavões nao te dão razao de condenar ninguem a unica coisa que pode condenar são provas, todos sao inocentes ate que se provem ao contrario e nao todos sao culpados ate que se prove o contrario, ser chamado de racista,nazista homofobico é apenas uma arma de desmoralização de gente sem argumentos.

    ResponderExcluir
  2. ja percebi o vies ideologico do cara que faz os quadrinhos. chavões nao te dão razao de condenar ninguem a unica coisa que pode condenar são provas, todos sao inocentes ate que se provem ao contrario e nao todos sao culpados ate que se prove o contrario, ser chamado de racista,nazista homofobico é apenas uma arma de desmoralização de gente sem argumentos.

    ResponderExcluir
  3. O que ele quis dizer é que muitas vezes uma pessoa faz muita merda como matar, roubar pra caralho e se defende com essas leis por meio de brechas. Se aproveitam de uma maioria que realmente sofre preconceito para se inocentar junto.
    Os que realmente merecem proteção, nunca são os que mais desfrutam dessas leis. Infelizmente essas leis são um prato cheio para advogados pilantras se encherem de grana e inocentar bandidos psicopatas, se fazendo de coitados.
    O que a tira quis dizer é que claramente o cara age como nazista, tipo: torturar e matar os diferentes, mas acaba sendo inocentado porque existe uma lei que protege alguns grupos por outros motivos.
    Em todos os grupos existem psicopatas e as leis não devem protege-los independe te do grupo que faça parte.
    Entendeu?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saiu como unknow, eu tinha deixado meu nome... que coisa, não?

      Excluir