domingo, 30 de junho de 2019

Linha torta #06 - Evangelion e seus finais

No nosso sexto episódio falo um pouco de Evangelion, do seu autor Hideaki Anno e como foi reassistir uma das minhas obras favoritas da cultura pop - além de dar meus pitacos sobre seus controversos finais.


Clique com o botão direito aqui para baixar o episódio e assine o feed!

Ajude-nos a continuar com o programa e com os quadrinhos apoiando o linha no Padrim

12 comentários:

  1. Eu não fazia ideia que esse podcast existia. Também é minha primeira vez escutando um podcast com apenas uma pessoa e, surpreendentemente, foi super agradável de escutar. Um ótimo trabalho. Já era fã das suas ilustrações e do seu quadrinho, agora também sou fã do seu podcast haha :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahahaha, valeu! Gosto de gravar sozinho porque é o único jeito de eu não interromper os outros =(

      Excluir
  2. Caraca, muito bom. Ce parece ser bravo pelo twitter mas a tua voz traz paz.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É voz fina que chama, direto me chamam de "senhora" quando atendo o telefone =D

      Excluir
  3. Evangelion ficção eterna!
    Ano tem razão... all the time!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O quarto impacto tem que trazer o piriá de volta, não é a mesma coisa sem asinha

      Excluir
    2. Caraca eu tava pensando no o que você disse em relação a Evangelion e a nossa narrativa pessoal da realidade. Eu tô pensando, caramba, se eu consigo aceitar uma narrativa como realidade ele se torna realmente a minha realidade. Mas, até que ponto eu posso levar isso ou até que ponto eu já levo ? Será que quem eu amo e amei, foi por simplesmente eu ter escolhido essa narrativa ? A minha família ? E as minhas escolhas ? Até onde eu sou eu mesmo e aonde eu começo a ser que eu simplesmente quero ? E se eu quero ser assim, esse não é quem eu sou ?

      Excluir
    3. Parabéns pelo podcast, na minha ele se tornou um pedaço de Evangelion. E obrigado pela crise existencial

      Excluir
    4. Porra, respondi o comentário errado. MEU CU
      Eu sou o cara que falou que parece bravo mas tua voz traz paz, finge que comentei lá :(

      Excluir
  4. Gostei de bastante de ouvir esse podcast. Me fez pensar em umas coisas que ainda não tinha pensado a respeito da série.
    Sobre a sexualização, acredito que toda ela faça algum sentindo dentro da história. Isso se perde um pouco nos Rebuilds, mas na série faz sentido, principalmente na que se refere ao Shinji.
    Como você disse, o Anno é um otaku, mas ele tbm é um crítico ferrenho dos otakus, então muitas das vezes que a parte sexual é mostrada é de uma maneira cringe, muitas vezes levando à vergonha alheia e nos deixando incomodado por estar vendo aquilo. É como se ele nos dissesse: veja só como você é nojento por gostar disso (e, lógico, ele diz isso pra si mesmo tbm).
    Fora isso, existe o próprio labirinto interno do Shinji e sua dinâmica com as duas marias" que o cercam: A Maria mãe (Rei) e a Maria amante (Asuka), referência cabalística às Marias de Jesus. As duas oferecem caminhos diferentes de evolução ao Shinji: a Rei oferece sua presença constante, para que ele não se sinta sozinho e a Asuka oferece o caminho da força bruta, da determinação. A Misato é, entre muitas outras coisas, aquela que quer ver o shinji evoluir como HOMEM e a única maneira que ela encontra de fazer isso é usa a sexualidade, porque para ela é isso que está faltando.
    Enfim, pra mim, há justificativa para essas cenas em eva.

    ResponderExcluir
  5. Obrigado pelo podcast ou mini cast se preferir. Gosto de Evangelion. E uma boa noite para você.

    ResponderExcluir